A Bolsa do Posto 3

Agnaldo Timóteo

Lamento profundamente
Mas tenho que lhe dizer
É muito pra minha cabeça
Aceitar seu modo de viver

Quantas vezes alertei
Você não soube entender
Quase tudo era possível
Menos dividir você

Amar, eu amei como louco
E pedi tão pouco, apenas lealdade
Fingi que nada percebia
Evitando o dia desta decisão

Temia pelas noites frias
Pelos longos dias de solidão
Por isso eu não queria ver
Não queria lhe perder
Por isso eu não queria ver
Não queria lhe perder

Lamento profundamente
Nada mais posso fazer
Chegamos ao fim da linha
É melhor te esquecer

Viva as suas aventuras
Na bolsa do posto três
Mas no fim dessa loucura
Vai sentir na pele o que você me fez
Mas no fim dessa loucura
Vai sentir na pele o que você me fez

Viva as suas aventuras
Na bolsa do posto três
Mas no fim dessa loucura
Vai sentir na pele o que você me fez
Mas no fim dessa loucura
Vai sentir na pele o que você me fez

Mas no fim dessa loucura
Vai sentir na pele o que você me fez
Mas no fim dessa loucura
Vai sentir na pele o que você me fez

Written by: Agnaldo Timóteo
Sent by Nelson. Revised by Gabriel.
Did you see an error? Send us your revision.