Eu Levo Uma Cruz Na Corrente

Agnaldo Rayol

Um dia, não me lembro quando
Não me lembro quem
Me deu como presente a cruz
Que eu levo na minha corrente
Tanto bem me trouxe
Tanto mal já me livrou
Nas horas do meu desespero
Todo meu apelo
A ela eu posso confiar
Nos dias de paz e de riso
Eu sinto que preciso
Agradecer e acreditar
No céu Jesus
Comigo a cruz
Chegou pra me tirar do nada
Me lembrar que ainda
Pode haver amor e fé
Pra me guiar em cada passo
Iluminar meu rumo
Dar coragem pra vencer
Em minhas mãos eu a seguro
Quando chega o medo
Ou quando existe a dúvida
Em minha corrente a carrego
Desde há muito tempo
Até o final dos dias meus
No céu Jesus Comigo a cruz...

Written by: Isolda / Milton Carlos
Revised by taylan.
Did you see an error? Send us your revision.