Flor Das Madrugadas

Alcides Gerardi

Vai segue a vida que queres
Não lamentes não esperes
Vai viver teus ideais
Dei-te ninho e agasalho
Abriguei-te do orvalho
Foste uma ilusão a mais

Preferes ter uma vida
Inútil descolorida
Tens uma alma vazia

És amiga das calçadas
És a flor das madrugadas
Resto de noite começo de dia

Written by: Bené Guimarães / Hélio Ribeiro
Sent by Nelson.
Did you see an error? Send us your revision.