Se Eu Sorrir Tu Não Pode Chorar

Martinho da Vila

Qua, qua, qua, qua, qua
Se eu sorri, tu não podes chorar

Sempre que eu chego em casa
Bem feliz da vida
É porque na lida me dei muito bem
Quero ligar o som
E brincar no seu corpo de fazer neném
Mas se tu me recebes de cara amarrada
Querendo motivo por eu me atrasar
Baixa logo a pressa
E aumenta a tensão
Já nem quero cantar
Qua, qua, qua. . .
Se a simplicidade da minha saudade
Me faz um covarde
Valente de mais
O seu beijo me deixa que nem caranguejo
Andando pra trás
Se bambeio onde piso
Te dou um aviso
Algo estanho vai acontecer
Além do teu sorriso
É preciso ouvir seu gargalhar
Tantas vezes regresso cansado, irritado
Querendo contar toda a minha desdita
Porém tu me recebes
Cheirosa e bonita
Querendo transar
Então não falo nada do acontecido
Porque seu astral eu não posso baixar
Qua, qua, qua, qua, qua
Seu sorri, tu não podes chorar

Written by: Martinho da Vila / Zeca Pagodinho
Sent by fabiano.
Did you see an error? Send us your revision.


More songs by Martinho da Vila

View all songs by Martinho da Vila