Acelerada (part. Wcnobeat & Rincon Sapiência)

Pocah

A mil por hora, acelerada
Na noitada, viciada
Não quer saber mais de nada
Tô na pista, solta na balada

Vem comigo
Baby, se acalma, sei que eu sou um perigo
Posso ser seu vício ou um amor bandido
Mas não vale se apaixonar
Vem dar um perdido comigo
Vem comigo
Baby, se acalma, sei que eu sou um perigo
Posso ser seu vício ou um amor bandido
Mas não vale se apaixonar
Vem dar um perdido comigo

Ela avisou: Não se apaixone
Acelerada, tá no giro
Tipo um ciclone
Te vi de longe e fiz a leitura labial
Foi muito fácil descolar que ela falou meu nome
Eu analiso, o batidão come
Ela dançando, me olhando
De repente, some
Inevitável quando o ritmo é sensual
A música é um alimento, eu tenho fome, ei
O flerte rola, o corpo cola
Ou, sorriso marfim, cintura de mola
Ou, seu corpo em mim, a nave decola
Ou, tô afiado, ninguém me amola
Ou, me chama que eu vou
Por isso que eu fui
O suor da melanina se destaca na luz
Ela dança, eu danço
Falei com o DJ
Ela na frente, eu atrás
A batida conduz
Uau

A mil por hora, acelerada
Na noitada, viciada
Não quer saber mais de nada
Tô na pista, solta na balada

Vem comigo
Baby, se acalma, sei que eu sou um perigo
Posso ser seu vício ou um amor bandido
Mas não vale se apaixonar
Vem dar um perdido comigo
Vem comigo
Baby, se acalma, sei que eu sou um perigo
Posso ser seu vício ou um amor bandido
Mas não vale se apaixonar
Vem dar um perdido comigo

Toda leve, toda, toda leve
Ahn, toda quente, derretendo neve
Colabora, ela adora grave
Sem o grave ela faz a greve
Quando esquenta, ela evapora
Acalma o nervo nesse fervo
Pra ficar da hora
Ahn, no gingado ela apavora
Deu o bote errado vai tomar um fora

Tão bom quando o clima fica mara
Fica mara quando o baile faz calor
Quando o corpo mesmo sem querer, não para
Arrasou, abalou, eu dou valor
Tão bom quando o clima fica mara
Fica mara quando o baile faz calor
Quando o corpo mesmo sem querer, não para
Arrasou, abalou, eu dou valor

A mil por hora, acelerada
Na noitada, viciada
Não quer saber mais de nada
Tô na pista, solta na balada

Vem comigo
Baby, se acalma, sei que eu sou um perigo
Posso ser seu vício ou um amor bandido
Mas não vale se apaixonar
Vem dar um perdido comigo
Vem comigo
Baby, se acalma, sei que eu sou um perigo
Posso ser seu vício ou um amor bandido
Mas não vale se apaixonar
Vem dar um perdido comigo

Written by: POCAH / Rincon Sapiencia
Sent by Andrew.
Did you see an error? Send us your revision.