LETRAS.COM - Letras de canciones

11 De Outubro

Renato Negrão

Hoje ninguém sorriu
Nem mesmo o sol surgiu
Não há palavras que possam explicar
Nada pode confortar
Quando se perde alguém
E na ausência da flor
O que ficou são sintomas de dor
E ao chegar à primavera
As portas estão fechadas
A pele quer ser tocada
No cair da tarde
Sinto tua ausência
E sei que o céu
Ganhou mais uma estrela
E todas as lágrimas
Sobre o poema do cantor
Que disse ser preciso amar
Como se não houvesse amanhã
E uma multidão está solitária
Eduardo e Mônica choram por você
E essa ou qualquer
Outra geração
Sempre vai chamar
Por LEGIÃO URBANA ..

Sent by Marcos