Paz, Amor e Grave (part. Ruxell & Rincon Sapiência)

Gloria Groove

Vim te desejar paz, amor e grave
Pra ficar maneiro, um pouquinho de sacanagem
Vim te desejar paz, amor e grave
Pra ficar maneiro, um pouquinho de sacanagem

Nós é pesada e tá suave
Tamo voando que nem ave
O meu flow tô mandando no gol
Batendo na caixa e nunca na trave
Raspa a placa, saca toda cultura de bailes, homenagens
Sem ressaca, dinheiro no caixa nós saca, sacanagem, hey

Tamo fazendo valer, fervendo o baile
Ponteiro na giratória
Não deixa bater pra virar TBT
Tamo fazendo história
Não é sobre ganhar, não é sobre perder
Viver é nossa vitória
É por isso que eu desejo a você
Paz, amor e grave
Oh glória

Vim te desejar paz, amor e grave
Pra ficar maneiro, um pouquinho de sacanagem
Vim te desejar paz, amor e grave
Pra ficar maneiro, um pouquinho de sacanagem

Paz, amor e grave

(Gloria Groove)
Filha do som, cria da beleza
Pique bandida, exalo realeza
Ela tem a fome de quem sobrevive
E, desde neném, bota a janta na mesa
Grave que nem vários timbres do beat
Então, voz que vai se propagando
Faço questão de botar no meu texto
Que as afeminada tão se revelando
E ela quer ver o bagulho mudar
Pra decolar, conquistar seu lugar
Boto verdade no seu ouvidinho
Se eu for com carinho, não vai machucar
Na sua mente entrei e dei nó
Ficou passado, chega dá dó
Paz e amor, Manicongo mó vibe
E o beat envolvente, tamo suave

Vim te desejar paz, amor e grave
Pra ficar maneiro, um pouquinho de sacanagem
Vim te desejar paz, amor e grave
Pra ficar maneiro, um pouquinho de sacanagem

Vim te desejar paz, amor e grave
Pra ficar maneiro, um pouquinho de sacanagem




More songs by Gloria Groove

View all songs by Gloria Groove