Cavalo Crioulo

Luiz Gonzaga

Sob a topada da pisada, galopada, percorrendo meio
Mundo
Vai baixeiro, vai ligeiro, vai formoso, vai fogoso, onde
Chegar vai
É uma força que se lança que avança sobre o peito
Ventania
Na pregada derrubada, nas festas de apartação, pro tudo
Que for vai
Cavalo crioulo é demais tudo faz
Cavalo crioulo é demais tudo faz

Pisa que chega e estremece estronda no chão (ufa)
Faz um pisonhado danado no pé do mourão (ufa)
E quando arreda ela sangra avança ele arranca carreira
Poeira
É uma cena guerreira, quem fica de longe só vê danação
(Ufa)
Mas se o trabalho é no campo rebate a boiada domina o
Cercado
E no mato fechado ele corre ele passa que nem
Cerração
Porque cavalo crioulo é demais tudo faz
Porque cavalo crioulo é demais tudo faz
Porque cavalo crioulo é demais tudo faz

Sob a topada da pisada, galopada, percorrendo meio
Mundo
Vai baixeiro, vai ligeiro, vai formoso, vai fogoso onde
Chegar vai
É uma força que se lança que avança sobre o peito
Ventania
Na pregada derrubada, nas festas de apartação pro tudo
Que for vai
Cavalo crioulo é demais tudo faz (é é é é é é)
Cavalo crioulo é demais tudo faz (é é é é é é)
Cavalo crioulo é demais tudo faz (é é é é é é)
Cavalo crioulo é demais tudo faz (é é é é é é)

Written by: Janduhi Finizola / Luiz Gonzaga
Sent by Edjanyo. Revised by Daniel.
Did you see an error? Send us your revision.