LETRAS.COM - Letras de canciones

Mulheres

Martinho da Vila

Mulheres

Já tive mulheres de todas as cores
De várias idades, de muitos amores
Com umas até certo tempo fiquei
Pra outras apenas um pouco me dei

Já tive mulheres do tipo atrevida
Do tipo acanhada, do tipo vivida
Casada carente, solteira feliz
Já tive donzela e até meretriz

Mulheres cabeça e desequilibradas
Mulheres confusas, de guerra e de paz
Mas nenhuma delas me fez tão feliz
Como você me faz

Procurei em todas as mulheres a felicidade
Mas eu não encontrei e fiquei na saudade
Foi começando bem, mas tudo teve um fim
Você é o sol da minha vida, a minha vontade
Você não é mentira, você é verdade
É tudo o que um dia eu sonhei pra mim

Já tive mulheres de todas as cores
De várias idades, de muitos amores
Com umas até certo tempo fiquei
Pra outras apenas um pouco me dei

Já tive mulheres do tipo atrevida
Do tipo acanhada, do tipo vivida
Casada carente, solteira feliz
Já tive donzela e até meretriz

Mulheres cabeça e desequilibradas
Mulheres confusas, de guerra e de paz
Mas nenhuma delas me fez tão feliz
Como você me faz

Procurei em todas as mulheres a felicidade
Mas eu não encontrei e fiquei na saudade
Foi começando bem, mas tudo teve um fim
Você é o sol da minha vida, a minha vontade
Você não é mentira, você é verdade.
É tudo o que um dia eu sonhei pra mim

Procurei em todas as mulheres a felicidade
Mas eu não encontrei e fiquei na saudade
Foi começando bem, mas tudo teve um fim
Você é o sol da minha vida, a minha vontade
Você não é mentira, você é verdade
É tudo o que um dia eu sonhei pra mim

Mujeres

Ya tuve mujeres de todo los colores
De varias edades, de muchos amores
Con una hasta cierto tiempo quedé
Para otras apenas un poco me di

Ya tuve mujeres del tipo atrevida
Del tipo recatada, del tipo vivida
Casada carente, soltera feliz
Ya tuve doncellas y hasta meretríz

Mujeres cabeza y desequilibradas
Mujeres confusas, de guerra y de paz
Mas ninguna de ellas me hizo tan feliz
Como tu me haces

Procure en todas las mujeres la felicidad
Pero yo no encontré y quedé extrañandote
Fue empezando bien, pero todo tuvo un fin
Tu eres el sol de mi vida, mi voluntad
Tu no eres mentira, tu eres verdad
Eres todo lo que un día soñé para mí

Ya tuve mujeres de todo los colores
De varias edades, de muchos amores
Con una hasta cierto tiempo quedé
Para otras apenas un poco me di

Ya tuve mujeres del tipo atrevida
Del tipo recatada, del tipo vivida
Casada carente, soltera feliz
Ya tuve doncellas y hasta meretríz

Mujeres cabeza y desequilibradas
Mujeres confusas, de guerra y de paz
Mas ninguna de ellas me hizo tan feliz
Como tu me haces

Procure en todas las mujeres la felicidad
Pero yo no encontré y quedé extrañandote
Fue empezando bien, pero todo tuvo un fin
Tu eres el sol de mi vida, mi voluntad
Tu no eres mentira, tu eres verdad
Eres todo lo que un día soñé para mí

Procure en todas las mujeres la felicidad
Pero yo no encontré y quedé extrañandote
Fue empezando bien, pero todo tuvo un fin
Tu eres el sol de mi vida, mi voluntad
Tu no eres mentira, tu eres verdad
Eres todo lo que un día soñé para mí

Composición: Toninho Geraes
Traducida por Andrea, Subtitulado por Júnior