CVV

Ludovic

O espaço do baixo e vil!

Que gesto admirável
Digno de aplausos
Perdoe a franqueza
Eu nunca vi alguém tão fraco!

Seja bem-vindo ao clube
Onde nada é intolerável
Perdoe a franqueza
Eu nunca vi alguém tão fraco!

Entre você e ela há um precipício
Amor próprio, agora, seria suicídio
Eu sirvo como exemplo e só pra isso eu sirvo
Nós ainda vamos rir de tudo isso

O espaço do baixo e vil!

Fomos todos usados desde o início
Agora honre as calças, arrote princípios
Veja o meu exemplo, nem pra isso eu sirvo
Nós ainda vamos rir de tudo isso

Nós ainda vamos rir de tudo isso

Written by: Jair
Sent by Luan. Revised by Wesley.
Did you see an error? Send us your revision.